Nesta altura em Mocambique, estamos a entrar no verao. Lumbo conhece uma seca muito grande este ano e estamos anxiosamente a espera das primeiras chuvas.

A situacao sanitaria continua igual na provincia com um aumento gradual dos casos de covid19 desde o mes de marco.

Passamos agora a barreira dos 10.000casos e 72 obitos.

Asi as escolas do Lumbo mantem se fechadas, apenas o Instituto do Turismo abreu no mes passado o curso a distanca.

A escolinha Perola tambem organizou cursos a distancia onde os encarregados de educacao vem levantar semanalmente uns trabalhos que as criancas fazem em casa.

No centro comunitario depois de meses a espera, conseguimos as autorizacoes para abrir cursos de Ingles Frances e Corte e Costura. Iniciamos as inscricoes em setembro. O projecto tive muita adherenca asi que dividimos os alumnos em 3 grupos: criancas de manha,  jovens a tarde,  e adultos anoite. Na primeira reuniao com os encarregados de educacao, os pais agradeceram muito pelo projecto e pediram para nao so continuar ate o fim do ano, mas manter para sempre pois nunca tiveram oportunidade no Lumbo de ter aulas de lingua e de alfaiataria accessiveis a todos. Agradecemos muito os professores Malela (ingles),Tino (frances)e Amisse (alfaiataria )para dar os  seus tempos na meta de ajudar cada dia e com boa vontade, os alumnos para amanha ser homens novos com mais conhecimento e novas oportunidades. Esperamos que o projecto cresca e que consigamos oferecer mais actividades no proximo ano.

A maternidade, a pesar da situacao sanitaria complicada, continua a ver nascer uma media de 1 bebe por dia. Os casos complicados, depois de ser detectados na echografia,  sao encaminhados para outras unidades sanitarias com mais condicoes.

De momento e tudo.  Esperamos boas novidades para concluir o ano…

Abraco

Suzanne